planejamento educacional

5 passos para montar um planejamento educacional eficiente

Um planejamento educacional traz diversos benefícios para uma instituição de ensino superior. Entretanto, poucos gestores conhecem ou colocam em prática esse processo que pode evitar muita dor de cabeça.

Neste texto, você entenderá o que é um planejamento educacional, além de conferir um passo a passo com 5 etapas para criar e colocar esse processo em funcionamento na sua instituição.

Leia tambémSaiba tudo sobre avaliação do MEC e como preparar sua instituição de ensino superior

O que é um planejamento educacional?

Um planejamento educacional nada mais é do que o conjunto de escolhas relacionadas a como se dará a educação de alunos. Todos esses aspectos educacionais são planejados e seguidos em âmbito nacional, segmentados e desenvolvidos pelas próprias instituições de ensino superior.

Um dos objetivos do planejamento educacional é tornar a área de educação mais racional e efetiva. Assim, é possível prever e solucionar problemas relacionados a essa área, minimizando os seus prejuízos.

Além disso, esse procedimento também auxilia na gestão financeira dos recursos dedicados à educação na instituição. O que faz com que o dinheiro seja melhor aplicado e que, de certa forma, retorne de acordo com os resultados esperados.

Como montar um planejamento educacional eficiente?

Após entender o que é o planejamento educacional, você conseguirá visualizar com mais clareza a sua importância e benefícios para a instituição (e estudantes). A seguir, você conhecerá um passo a passo de como implementar essa estratégia.

1. Delimite os objetivos do planejamento

Todo o planejamento precisa de objetivos. Afinal, não é possível traçar um caminho sem saber o seu destino. Por isso, procure pensar sobre quais os resultados que a sua escola ou empresa quer alcançar por meio do planejamento educacional e faça com que ela seja plausível.

Uma ótima forma de manter um objetivo mais realista é dividi-lo em metas menores. Dessa forma, é possível analisar melhor o andamento do planejamento e fazer os ajustes necessários (com antecedência) para que tudo saia como o esperado.

Leia também5 passos para abrir uma instituição de ensino superior

2. Defina o público que deve ser alcançado

Além dos objetivos, também é preciso delimitar quem será o público-alvo do seu planejamento educacional: serão os alunos? Estudantes de certas turmas ou determinados cursos universitários? Professores e tutores? Ao ter isso bem definido, será mais fácil pensar em estratégias para impactá-los positivamente.

3. Ofereça melhores recursos e conteúdos

Não se limite apenas às regras e exigências do Ministério da Educação (MEC) ou de outros órgãos. Para conseguir atrair e reter alunos, é preciso se destacar no mercado e mostrar vantagens que só a sua universidade pode oferecer. Uma delas pode ser a disponibilização de uma biblioteca online, por exemplo.

Além disso, com a tecnologia cada vez mais presente na educação, você já pode fornecer outros recursos para tornar o aprendizado mais dinâmico, atrativo e divertido. O que aumenta o engajamento e o interesse dos alunos.

Trata-se de ferramentas de inteligência artificialgamificação, realidade aumentada e muitos outros estímulos visuais.

4. Faça com que as informações sejam expostas de maneira clara

O planejamento educacional não é um documento que só será visto por você, mas também por diversos profissionais de várias áreas dentro da instituição. Por isso, disponha as metas e informações de maneira clara para que todos consigam entender o que e como fazer para atingir os resultados.

Leia tambémPanorama das instituições de ensino superior no Brasil: evoluções e melhorias

5. Certifique-se de que o planejamento seja aplicado diariamente

Com tudo pronto, está na hora de colocar o seu planejamento em prática. É importante que ele sempre esteja presente no dia a dia da instituição de ensino superior e que seja seguido à risca.

Depois de saber tudo isso sobre planejamento educacional, você conseguirá organizar melhor a estrutura educacional da sua instituição, fazendo com que todos estejam alinhados e coordenados com as metas propostas.

Conheça a Minha Biblioteca

Um aspecto central do planejamento educacional diz respeito ao conteúdo oferecido aos alunos e a tecnologia se faz cada vez mais necessária em sala de aula para otimizar o aprendizado e melhorar a qualidade do ensino. Neste caso, uma biblioteca digital, como a Minha Biblioteca, é uma importante aliada.

A plataforma oferece mais de 7 mil livros em um acervo multidisciplinar com acesso 24 horas, 7 dias por semana, a partir de qualquer dispositivo conectado com a internet. Assim, traz praticidade e flexibilidade para a rotina dos universitários, além de contar com outras funcionalidades para facilitar os estudos, pesquisas e trabalhos acadêmicos, como:

  • Pesquisa por palavra-chave;
  • Modo revisão;
  • Marcador de página;
  • Realce de cor e anotações.

Além disso, os professores dispõe de uma ferramenta poderosa para fazer o plano de aula e indicar toda a bibliografia necessária para o seu curso. O que proporciona vantagens para a instituição de ensino ao contar com o acervo completo e digital.

Ficou interessado? Conheça todos os benefícios e entre em contato conosco!

Baixe agora nosso eBook e saiba como montar um plano de aula do ensino superior atrelado às novas tecnologias!

Leave a comment

nove + 6 =