Blog

Retenção de alunos

Retenção de alunos: como a comunicação e as tecnologias facilitam esse processo

Muitas instituições de ensino superior enfrentam o mesmo desafio: a retenção de alunos. Ou seja, a dificuldade em manter os estudantes durante toda a graduação é uma realidade no cotidiano de muitos reitores.

Diante desse cenário, um erro muito comum é acreditar que apenas o desenvolvimento da qualidade de ensino é o suficiente para garantir a conclusão dos cursos. A retenção de alunos requer atitudes estratégicas mais elaboradas para manter os alunos atuais.

Para facilitar suas ações com esse objetivo, elaboramos um guia rápido de como reter alunos com o auxílio da comunicação e das tecnologias. Continue acompanhando!

Baixe agora nosso infográfico e saiba como reduzir custos com a biblioteca digital!

Mantenha a comunicação sempre próxima dos alunos

Muitos reitores acreditam que captar novos estudantes é mais fácil do que manter os atuais. Entretanto, é possível mudar esse cenário quando a IES adota estratégias para monitorar a movimentação dos alunos dentro da instituição de ensino, buscando reconhecer os motivos que fazem com que os estudantes abandonem o curso ou troquem de instituição.

Leia também: Como facilitar a captação de alunos e retenção ao longo da graduação

Para colocar uma estratégia de retenção de alunos eficiente em prática, é imprescindível prezar por uma comunicação de qualidade. Para isso, é importante focar as atenções da IES nos interesses dos discentes e iniciar uma gestão de relacionamento, disponibilizando um espaço para que o aluno converse com a instituição antes de sair do curso.

Com isso, a instituição terá conhecimento sobre as principais razões que levam à desistência de cursos superiores.

Disponibilize tecnologias para os estudantes

Atualmente, grande parte das instituições de ensino já possui alunos nativos digitais (indivíduos que nasceram em uma época na qual a tecnologia já era uma realidade), jovens cada vez mais conectados à internet e imersos em um universo repleto de informações.

Leia também: Ensino superior – como prender a atenção do aluno em sala de aula

Desse modo, encontrar a melhor maneira para estabelecer um diálogo eficiente depende diretamente do canal de comunicação utilizado. Você pode optar por uma presença ativa nas redes sociais, envio de SMS, e-mail marketing, conteúdos de blog, entre outros meios. Tudo depende das necessidades dos seus alunos.

Além disso, é fundamental disponibilizar tecnologias que otimizam os processos de aprendizado e a comunicação dentro e fora de sala de aula. Um bom exemplo disso é a criação de uma plataforma para o aluno, na qual ele pode consultar datas de provas e trabalhos, acessar conteúdos e tirar dúvidas.

Como a Minha Biblioteca pode contribuir para a retenção de alunos?

Minha Biblioteca é um consórcio composto pelas quatro principais editoras de livros acadêmicos do país (Grupo A, Grupo Gen-Atlas,Manole e Saraiva). A plataforma digital disponibiliza às instituições de ensino superior um acervo com os melhores conteúdos técnicos e científicos, tudo isso por meio de qualquer dispositivo com acesso à internet.

Por meio da biblioteca digital, os alunos têm acesso rápido e fácil a mais de 7 mil títulos acadêmicos das principais áreas de especialização, como saúde, direito, ciências sociais aplicadas, entre outras.

Por ser uma plataforma digital de livros, a Minha Biblioteca pode ser usada na retenção de alunos, pois estimula o conhecimento, a leitura e os estudos de maneira geral. Além de ajudar os alunos, também contribui diretamente com o corpo docente, pois facilita a elaboração de planos de aula e otimiza a experiência dentro e fora da sala de aula.

Vale ressaltar que a comunicação e as tecnologias só podem facilitar o processo de retenção de alunos quando combinadas a um corpo docente preparado. Para conhecer um pouco mais sobre a nossa solução, entre em contato com a nossa equipe!

Baixe nosso whitepaper e saiba como o MEC avalia a implementação de biblioteca digital nas instituições de ensino.