aprendizagem na EAD

Aprendizagem a distância: como superar os desafios da avaliação

Que a pandemia do coronavírus causou uma transformação radical na educação, todos já sabemos. São novos tempos com a suspensão das aulas presenciais, a migração para aulas online e a adaptação para o ensino a distância. Neste cenário, as instituições de ensino superior precisam se adequar a aprendizagem a distância.

Diversos aspectos englobam as mudanças necessárias na aprendizagem a distância no ensino superior, tanto para alunos, como para professores e os próprios gestores educacionais.

Leia também: Como promover o ensino a distância com o auxílio de tecnologias educacionais

Principais desafios com as mudanças para a aprendizagem a distância

Para os estudantes universitários, as dificuldades estão em conseguir se concentrar e estudar a distância, ter a tecnologia necessária, acessar as plataformas e se manter em dia com as mensalidades.

Vale lembrar que a taxa de inadimplência no ensino superior privado fechou o mês de abril com alta de 72,4%, em relação o mesmo período de 2019, segundo o Semesp.

Já, para os gestores, os principais problemas são também o atraso de pagamentos e o risco de evasão de alunos, assim como garantir os recursos tecnológicos para a realização das aulas e da aprendizagem remota. 

De acordo com o mesmo estudo, o número de alunos que desistiram ou trancaram matrículas em abril aumentou 32,5% entre 2019 e 2020.

Para os professores, os desafios são ainda maiores, porque precisam apoiar os estudantes e ainda fazer a adaptação do ensino para o novo modelo.

No contexto atual da educação a distância, os educadores devem:

Já abordamos muitos dos assuntos acima e, neste texto, vamos mostrar como os professores podem adaptar o processo avaliativo.

Como fazer a avaliação na educação a distância

Os exercícios e testes são fundamentais para acompanhamento da aprendizagem a distância. No caso da necessidade de rápida adaptação para o ensino remoto, é preciso adotar novas ações no processo avaliativo, assim como novas possibilidades de testes e monitoramento do desempenho dos alunos.

Afinal, não basta aplicar provas. É preciso repensar o sistema e avaliar através de métodos e ferramentas de mensuração do conhecimento dos estudantes. Assim, no ensino a distância, é essencial substituir as provas periódicas por avaliações contínuas que gerem feedbacks sobre o desempenho dos estudantes e apoiem sua evolução.

Saiba mais: Passo a passo de como fazer um plano de aula para o EAD 

Quer saber como colocar essas mudanças em práticas? Confira dicas de avaliações eficientes:

1. Fóruns e debates virtuais

As sessões de bate-papo, fóruns e discussões online podem ser realizados tanto em formato de texto, como de vídeo. Também podem ser realizados durante as aulas expositivas, em sessões específicas de interação ou até como um debate contínuo. 

Os professores, então, podem atuar como mediadores, trazendo os assuntos mais relevantes da disciplina, apontando questionamentos e gerando debates entre os alunos. Com isso, é possível avaliar a participação e o processo de aprendizagem de todos os estudantes nas disciplinas e cursos.

2. Apresentações e exposição de ideias

Outra forma de avaliação da aprendizagem a distância é por meio das famosas apresentações. Mas é preciso ir além daquele estilo tradicional de “decoreba” e de assuntos falados sem a compreensão devida. 

Por isso, o professor deve incentivar os alunos a expor suas ideias, opiniões e reflexões sobre os assuntos e temas abordados, com base no conhecimento adquiridos nas aulas.

Saiba mais: 3 pilares da aprendizagem ativa que melhoram o processo de ensino

3. Avaliação de exercícios

Os exercícios online podem servir de apoio para o processo avaliativo, não necessitando de nota, e podem ser estruturados em forma de múltipla escolha ou questões argumentativas.

Com essas avaliações regulares, os docentes entendam com precisão como anda o aprendizado dos estudantes e o que deve ser reforçado nas aulas.

4. Engajamento dos alunos

É importante mensurar e avaliar a participação e o engajamento dos alunos nas aulas e atividades no ensino superior a distância. Isso pode ser feito por meio da contabilização do número de acessos na plataforma de aprendizagem virtual, a realização de exercícios, o desempenho nas avaliações, como debates, apresentações e outras.

Assim, é possível acompanhar o desempenho dos alunos, sua evolução no curso, suas dificuldades e pontos fortes. 

5. Acompanhamento de leituras e bibliografia

No ensino superior, é comum indicar uma lista de leituras e bibliografia básica e complementar de cada curso. Com isso, os alunos podem entender melhor os pontos apresentados nas aulas, acompanhar as matérias, trocar ideias e tirar dúvidas. 

A relação de livros e conteúdos reforça os conhecimentos, facilita na pesquisa e consulta de assuntos e ajuda na evolução do tema e dos estudantes. Uma biblioteca digital pode auxiliar e muito na aprendizagem a distância neste sentido, já que oferece acesso a um acervo completo de obras relevantes em diversas áreas.

6. Produção de projetos próprios

Uma forma inovadora de avaliação é estimular a produção de projetos próprios dos alunos no ensino superior a distância. Seja por meio de desenvolvimento de textos e análises de autoria própria sobre a matéria, ou usando áudios, vídeos, storyboards, entre outros modelos.

O produto final pode ser de grande valor para o processo de aprendizado e para a interação com todos os alunos.

Como a biblioteca digital pode ajudar neste processo

Como visto acima, o foco da avaliação na aprendizagem a distância não é somente definir uma nota para o aluno e determinar se ele foi bem ou mal. O objetivo é diagnosticar os acertos e erros no processo de aprendizagem, assim como as informações absorvidas e as lacunas no conhecimento.

Para colaborar com estudantes e professores em todo este processo, a biblioteca online é uma aliada importante. Isso porque proporciona aos envolvidos uma gama de livros digitais do assunto de interesse para estudo, consulta, pesquisa e desenvolvimento de trabalhos, exercícios e avaliações acadêmicas.

Conheça a Minha Biblioteca

Criada para oferecer acesso rápido e fácil aos principais ebooks recomendados pelos professores, a Minha Biblioteca é uma plataforma digital com catálogos segmentados em várias áreas de conhecimento, como Medicina, Saúde, Jurídico, Exatas, Letras & Artes, Sociais Aplicadas e Pedagogia.

A plataforma contribui para a educação a distância com a consulta a qualquer livro do catálogo, a partir de qualquer dispositivo conectado à internet. Isso garante maior facilidade, praticidade e conveniência para os estudantes. Os professores também pode usar a Minha Biblioteca para apoiar a elaboração de planos de aulas.

Além disso, a Minha Biblioteca possui funcionalidades como pesquisa por palavra-chave, realce de cor, anotações, marcador de páginas e muito mais, facilitando a leitura e os estudos dos alunos.

Se a sua instituição de ensino ainda não assina a Minha Biblioteca, entre em contato conosco e solicite mais informações.

Baixe agora nosso ebook e saiba como montar um plano de aula do ensino superior atrelado às novas tecnologias!

Leave a comment

dezenove + seis =