Confira estratégias para transformar seus alunos em bons leitores

Incentivar os estudantes a ler é um dos principais papeis de qualquer professor. Em geral, a primeira solução que vêm à mente é aplicar uma prova sobre o conteúdo do livro indicado no bimestre, para garantir que o aluno tenha lido o texto, mesmo que por pura necessidade.

O problema desse método é que acaba tornando a leitura uma obrigação, não um hábito prazeroso. Isso pode gerar barreiras em alunos que tenham dificuldades prévias ou que já não se sentiam atraídos pelos livros. No futuro, é muito provável que esses estudantes encarem a escola de uma maneira negativa e percam a motivação para estudar.

Mas, como fazer para reverter esse círculo vicioso? Existem algumas técnicas que trabalham o incentivo à leitura de maneira simples e didática, que podem ser facilmente adaptadas para a sala de aula. Confira as dicas!

 

Clube do Livro

A ideia é reunir a turma uma vez por mês e abrir espaço para que cada um fale um pouco sobre seu livro preferido ou sobre aquele que está lendo no momento. Como são os próprios estudantes que farão as sugestões, provavelmente os títulos serão compatíveis com a idade dos colegas e despertarão o interesse deles mais facilmente.

 

Incentive a curiosidade

Crianças, em especial, são naturalmente curiosas. Use isso ao seu favor! A ideia é ler um trecho ou capítulo de livro em sala de aula, para que os alunos se sintam instigados a saber o final do texto e acabem pesquisando sozinhos. Faça isso no início do semestre, para que, no final, você possa averiguar quantos tiveram a iniciativa de procurar o livro. É possível também, reuni-los para um debate e receber o feedback sobre sua indicação.

 

Aposte nas sequências

Séries de livros são uma grande oportunidade de fazer com que seus alunos peguem o gosto pela leitura. Escolha sagas infanto-juvenis para começar, como as de Harry Potter e Percy Jackson, pois ambas têm um bom apelo criativo e escrita leve, que irão captar a atenção de seus alunos.

 

Explore um tema

Procure descobrir qual gênero interessa mais aos seus alunos por meio de uma enquete. A partir de então, trabalhe com obras que irão agradá-los em sala de aula. Por exemplo, se seus alunos gostarem de terror, que tal apresenta-los aos apavorantes contos de Edgar Allan Poe?

 

Abra as portas para novos talentos

Por que não dar asas à imaginação dos seus estudantes? Proponha atividades que trabalhem a escrita dos alunos através das obras que eles leram. Você pedir para que reescrevam o final ou que criem histórias paralelas. Além de impulsionar a leitura, você também fará com que os alunos escrevam melhor.

 

Via Universia

Leave a comment

sete + 20 =